Skip to main content

Posts

Showing posts from July, 2014
LUISINHA


     Depois da fase  dos caracóis, os cabelos loiros apartavam-se em duas tranças, compridas, com lacinhos nas pontas.
     Era a Luisinha das tranças loiras. Assim era conhecida, que o apelido nem contava. Desnecessário.

     Enquanto as primas eram mais dadas às bonecas, a Luisinha das tranças loiras preferia brincar com comboios e comandar soldadinhos de chumbo. Se pudesse ir para a tropa, haveria de chegar a general...

     Em contas ninguém a batia, e na tabuada era uma admiração: a dos nove, sabia-a de trás para a frente e da frente para trás, rápido e sem uma falha. 
Ganhara-lhe o gosto quando começou a ajudar o padrinho nas contas da mercearia, usando a máquina registadora e no cálculo mental dos deves e haveres.
     Contabilista haveria de ser o seu futuro. Garantido.

     O padrinho, que era regedor, muito gostava de jogar à sueca com a Luisinha das tranças loiras. Esperta que era, fazia-lhe a cabeça num fanico: na batota era mestra!

     Dos tempos de menina mantém o ar g…
POLÍTICOS  E  ANIMAIS

     No Parlamento, o PS e o PSD chegaram a acordo quanto à apresentação de uma proposta de lei para a criminalização  de maus-tratos a animais. Isso: animais sujeitos a maus-tratos!
Entretanto, o partido "coligado" com o PSD no Governo, o CDS, ficou-se nas encolhas, para marcar posição; ou será que, tal como os partidos da esquerda, não embarcou na hipocrisia dos dois comparsas "amigos dos animais", que toleram e apoiam as touradas, com a tortura pública dos animais?

     Ora, se o PSD é a favor da criminalização por maus-tratos, e se o PSD é o mesmo partido político em todo o país, custa a compreender como pode a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim  - PSD de cima a baixo -, governada por dois militantes politicamente devotos, e deveras empenhados na Cultura e no Turismo, apoiar e patrocinar a realização de touradas na cidade!
     Os maus-tratos, para que se saiba, são crimes públicos.

     Não estão em causa as pessoas: cada uma é livre de ter a…