Skip to main content

Posts

Showing posts from December, 2007
MORDOMOS

Está de volta, e com mais procura e maior exigência de qualidade, a profissão de mordomo, outrora uma quase instituição inglesa.
Como há cada vez mais ricos, e muito ricos, espalhados por esse mundo, o mordomo de qualificações elevadas passou a ser um acrescento aos quase obscenos sinais exteriores de riqueza daqueles que não sabem o que fazer ao dinheiro.

O currículo que é pedido aos mordomos é exigente, para o desempenho eficaz de tantas "canseiras" dos patrões; os salários e regalias sociais (que incluem planos de reforma) acompanham os padrões.
Ricas vidas! Dos mordomos e dos ricos patrões.

Isto acontece, agora, neste planeta Terra, um pouco por todo o lado.

Nós também temos muitos ricos, alguns riquíssimos.
Se a profissão de mordomo estivesse mais vulgarizada entre nós, oportunidades não faltariam para os milhares de licenciados no desemprego (são pessoas com qualificações).

Também por cá: pobres, somos dois milhões!
IDOSOS

Os idosos têm o seu Dia Internacional, e a Póvoa celebra-o organizando um convívio.
Por cá, em 2002, foi comemorado no dia 1 de Outubro, sendo designado "Dia Internacional das Pessoas Idosas", e juntou 300 idosos e utentes de IPSS do Município da Póvoa de Varzim.
O almoço de confraternização foi presidido pelo Dr.Luís Diamantino, que na altura detinha os pelouros da Juventude e da Solidariedade.
Foi "A Ternura dos Setenta", como então foi apelidado o convívio pelo semanário "A Voz da Póvoa" (10.10.2002).

Passados 5 anos, os idosos poveiros devem ser em muito maior número, e muitos deles serão carenciados; foram, certamente, convidados para o almoço de confraternização deste ano.

Para as pessoas idosas carenciadas foi proposto à Câmara, pelos vereadores socialistas, a emissão do Cartão do Idoso, que lhes concederia determinados benefícios, para elas importantes.
Essa proposta foi rejeitada pela maioria PSD do executivo c…
O LEITE

Das vacas vem (ou vinha) o leite.
Quase tipo único, quando sai das vacas.
Das fábricas saiem vários tipos: gordo, meio gordo e magro.

Hoje conheci dois novos tipos de leite (?), em embalagens semelhantes, mas de marcas (fábricas) diferentes:
- leite para cafetaria e culinária
- leite para profissionais

Não sei se serão melhores ou piores que o leite que se consome em nossas casas; ou, visto doutra forma: o leite que habitualmente consumimos não é o melhor?

E esfalfa-se uma vaca para isto...