Skip to main content
QUALIDADE

MANTEIGAS foi eleito o concelho com melhor Qualidade de Vida por um estudo coordenado pelo Prof.Dr. João Ferrão.

A Câmara Municipal de MANTEIGAS foi a primeira autarquia de Portugal continental a ter os serviços certificados, segundo a Norma ISO 9001:2000.

(in «Revista da Qualidade», de Julho/Agosto de 2006)


- Nós por cá, na Cidade do Conhecimento, tudo bem...

Comments

CÁ FICO said…
Olhe comandante
mande lixar essa norma Iso e todas as outras...A NORMALIZAÇÂO é Boa mas QB... A pretesto das normas ISo está-se a danificar muito do que é natural e socialmente rentável e criador de mão de obra e postos de trabalho...

A maior norma "normalizadora" ou seja aquela que deve ser norma deboas práticas internacional é a basica e clássica de que "O HOMEM È A MEDIDA DE TODAS AS COISAS"..

Ou seja o homem não pode ser escravo da normalização..antes pelo contrário...
Velho amigo Universalex, é muito redutor limitar a ISO 9001 à normalização.

A 9001 é uma norma de gestão, define requisitos para a implementação de um sistema de gestão da qualidade.

O controlo dos processos - a que se pode chamar normalização - confere responsabilidade e define competências. Ora isso é fundamental, nos serviços de uma Câmara, para aumentar a eficácia e, por outro lado, diminuir a burocracia e a corrupção.

Muito importante, portanto, no meu entender.
UNIVERSALEX said…
Discordo Peliteiro!Quanto a essa norma das boas práticas não são tão boas quanto isso...São normas(directivas.? oruentações?) subordinadas a uma visão contabilistica e economicista epor isso erradas...dai que diga que o Homem é amedida de todas as coisas..

Na tua área de farmaceutico.. o que seria mais útil para o teu cliente seria apossibilidade detu manipulares directamente o medicamento que ele realmente necessitasse.. e não vender-lhes tu uma caixa de farmacos que servem para aquele problema mas também par outros.. e que lhe vão fazer bem aos miolos mas dar-lhe cabo da figadeira...

mutatis mutandis a norma Iso 2001 e todas as outras são bitolas muito largas tipo sapato que faz calços nospés daqueles que neles não cabem...
São opiniões velho amigo.

O seu e-mail não está disponível? Queria enviar-lhe um convite e pedido de divulagação de um jantar de blogadores da PV e VC. Veja, pf, no Impressões.
CÁ FICO said…
Os procedimentos (leis processuais) são ritos...A standardização dos ritos importa ao seu mentor.. que idealizou o mundo à sua maneira e segundo as suas próprias limitações.. O mentor do rito até pode ser um grupo de sumidades mundiais - aelite da elites- mas vai falhar na mesma porque está limitada pela sua própria sapiência - Normalização sim mas QB...E cuidado com os procedimentos que beneficiam sempre aclasse dominante que as consegue impor...
Os políticos são avaliados pelo voto popular. As prioridades são definidas por eles em função do impacto imediato (e quiçá mediático...) da obra e/ou empreendimento. NORMAS são padrões de "bom comportamento", cadernos de boas intenções, parâmetros civilizados apontados por sumidades num dado contexto de espaço e tempo.

É claro que quem cumprir esse ideário poderá usar isso como trunfo eleitoral. Mas, o Zé ainda não está suficientemente sensibilizado para votar em função desses parâmetros. O que é preciso é muita bola, muitos cartazes, muito barulho e muita gente nos jantares, se possível com a presença de "gurus", televisões e
tuti quanti...

O que faz falta é pedagogizar a malta!...
UNIVERSALEX said…
R oxinol já que não deixas mais ninguém cantar no teu ramo à beira rio quero doizer-te a as tuas odesd >á Gortura são um must.. e em particular aquela das quotas par as gordas..! dá-lhes forte!
que Gordura é formusura...

Popular posts from this blog

AS GUERRAS DOS OUTROS

AS GUERRAS DOS OUTROS

     Em 9 de Abril de 1918 - há cem anos - o Exército Português (as Forças Armadas portuguesas) combatia no inferno de La Lys, no Norte de França, ao lado das tropas francesas contra as poderosas forças alemãs, depois da declaração de guerra da Alemanha a Portugal.
     Morreram muitos milhares de soldados portugueses, e muitos milhares ficaram feridos e com graves doenças.

     Hoje foi dia de homenagear com solenidade tantos heróis - sim, todos foram heróis - e as suas famílias. Nunca serão demasiadas as justas palavras que se digam, e também nunca secarão as lágrimas que por eles se choram.

     Hoje, e num acto de solidariedade e fraternidade, também deveria ser dia de honrar os militares portugueses que, mesmo não envolvidos numa guerra, estão prontos, por juramento solene, a defender a nossa Pátria.

     Na mesma Primeira Grande Guerra, muitos soldados indianos foram recrutados para combaterem na Inglaterra, ao serviço do seu rei-imperador. Um dos súbditos solda…

AMANHÃ, A MADRUGADA

AMANHÃ, A MADRUGADA


     É cálida a noite.

     As aves vigiam, guardando silêncio.

     Suave é a brisa, acariciadora.

     A lua, matreira, resguarda-se numa nuvem.

     As estrelas dão as mãos e sorriem.


     Tempo de vésperas.

     É chegada a hora dos audazes.


     Um raio de luz aponta a alvorada, a tão desejada alvorada.

     O princípio da esperança, a eterna esperança.

     É a madrugada do futuro prometido.

O CV DE VANESSA

 O CV DE VANESSA


     Depois de anos de bons serviços - muito trabalho - a Josefa deixou de servir na casa do morgado, senhor da terra. Não importam as razões, mais as suspeitas que as conhecidas.
     Além da trouxa com os pequenos haveres, e da generosa paga, a Fina, assim conhecida, foi servir para outra casa. Levava consigo uma carta de recomendação a atestar o profissionalismo, a dedicação e a honestidade com que sempre serviu o senhor morgado.
     Valendo como passaporte para uma vida talvez melhor, a meia dúzia de linhas da carta de recomendação era o Curriculum Vitae daqueles tempos passados na quinta.

     Os anúncios de oferta de emprego são taxativos: M/F (será escolhido o candidato que der mais lucro à empresa); 12º ano de escolaridade (têm preferência os licenciados: no começo das carreiras não protestam); conhecimento de línguas estrangeiras (o português não é prioritário); experiência anterior (pesa pouco: se tem experiência, o candidato já não será um jovem); carta de con…